Estêvão Lopes Morago – Oculi mei semper ad Dominum

De Estêvão Lopes Morago (c.1575-c.1630), moço do coro natural de Vallecas (Madrid) mais tarde mestre de capela na Sé de Viseu, partilhamos o motete Oculi mei semper ad Dominum, para quatro vozes, destinado ao terceiro Domingo da Quaresma. Esta é, porventura, uma das obras mais expressivas de Morago, pondo em evidência passagens do texto através de um controle bastante amplo da dissonância e uma secção central homofónica quase num tom suplicante.

O vídeo foi gravado no ensaio aberto realizado no Museu de Évora, na passada sexta-feira 6 de Junho. Nesta interpretação, o Ensemble Eborensis é composto por Ana Lopes (superius), Ana Lúcia Carvalho (altus), Luís Henriques (tenor) e Afonso Teles (bassus).

Siga-nos também no Facebook

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s